Antiga Matriz

Gruta de Sant’ana
22 de abril de 2016
Poço dos Jesuítas
22 de abril de 2016

Antiga Matriz

Construída em 1585 pelo padre José de Anchieta, no alto de uma colina, esta igreja deu início ao povoamento de Guarapari, sendo marco da fundação da Cidade. Sua estrutura é de pedras sobre postas e uma argamassa feita com areia, conchas trituradas, barro e óleo de baleia ou vegetal.

O jesuíta fundou ali uma capela e posteriormente uma residência, destinada a seus coirmãos da Companhia de Jesus. Foi erguida possivelmente sob a invocação de Sant’ Ana e do Sagrado Coração de Jesus, ou também de Santa Maria. Quase 170 anos depois passou a homenagear Nossa Senhora da Conceição. No auto escrito em homenagem a Sant’ Ana, na inauguração da igreja, o jesuíta instituiu Nossa Senhora da Conceição como padroeira da aldeia.Esta edificação também é conhecida como Igreja das Conchas devido às conchinhas que revestem as paredes externas, entretanto hoje não é possível visualizar esses detalhes, devido a reformas que as encobriram. No colégio-residência, anexo à igreja, hospedaram-se os primeiros padres formados no Espírito Santo e no Brasil.Em 1878, seu frontão comum e triangular recebeu revestimento neo-barroco do séc. XVIII. Em 1970, o telhado foi restaurado e dois altares laterais que não eram originais, foram retirados. È tombada pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) como patrimônio nacional. A igreja possui um grande acervo sacro, com peças do século XVIII. Está localizada na Rua João Cavati, s/nº, Centro, também conhecido como Morro da Igreja.

Este trabalho é parte do livro á ser editado: “Guarapari Muito Mais que um Sonho Lindo” – Beatriz Bueno / 1983-2005.
Fontes: Jornais: A Gazeta – encartes comemorativos.
A Tribuna – encartes comemorativos. Primeira Página – encartes comemorativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *